30 janeiro 2011

Cairo

Por vezes e quase sempre bem, tiram-nos as palavras

Sem comentários: