04 fevereiro 2011

Perguntas fora do devido efeito...

Quem poderá ficar admirado se, na segunda-feira, após a declaração ou exposição de Luís Amado sobre "Portugal e o Conselho de Segurança", os jornalistas instruídos mas sem instruções insistirem com perguntas sobre Portugal e o Egito, e a Tunísia, e a Argélia, e Marrocos, e aquilo dos cristãos, e os dois militares de Bissau...?

1 comentário:

Jose Martins disse...

Caganças, caganças... Já assim foi de quando o Freitas Amaral esteve lá!
.
O Amado para ser amado deveria arrumar as desgraças que vão pelo mundo de Cristo das missões diplomáticas e consulados, onde seguem ao Deus calha.
.
Seguiram por aí, antes, numa azáfama de caganças do arco-da-velha com investimentos em países que agora a ferro e fogo de que não se sabe, por enquanto, a largura do buraco...!!!