03 maio 2011

O PROSA DE POSTOS Cada patente no seu ramo

Corrigido. Por lapso, em versão anterior,
houve troca de posto e de ramo...

O  Num jantar protocolar, apresentando o recém-chegado representante militar nacional, esclareceu, do que deu conta aos serviços centrais em extenso telegrama: ...é um respeitabilíssimo almirante da Marinha...

Houve quem tivesse ousado perguntar se, no país de SEXA, haveria almirantes do Exército, já que generais no Alfeite será manifestamente difícil.

4 comentários:

patricio branco disse...

Essa palavra, almirante, deve ter algo de arabe devido ao prefixo al.
Quanto a mirante terá que ver com mirar, olhar de ponto alto?
O que olha por cima, um superior portanto.
Do alfeite, sendo baixo, pouco se deve alcançar com a vista.
Mas hoje, com as novas tecnologias, tudo é possivel

Adelo disse...

Como, em pontos altos ou baixos, se podem eexercitar pensamentos profundos.

Adelo disse...

E dissemos exercitar, que não é o igual a marinhar ou forçaerear...

Jose Martins disse...

E cada macaco no seu galho!